sábado, 5 de outubro de 2013

Crítica Especial FestRio -- Fla x Flu - 40 Minutos Antes do Nada

  
  Rivalidade que faz o cinema virar estádio
  
  Mais uma crítica saindo direto das salas do FestRio e dessa vez a sala do Odeon sofreu uma transformação. O futebol é algo que mexe com a emoção de todos os torcedores, independente de país, estado ou cidade, mas é fato que quando se trata de algumas rivalidades tradicionais os nervos ficam mais a flor da pele e qualquer zoação é motivo pra cada um começar a puxar brasa para sua sardinha.
  
  Se essa rivalidade se tratar de uma das mais antigas do futebol carioca, aí que as coisas ficam quentes mesmo! E o diretor Renato Terra (Uma noite em 67) resolveu trazer as emoções do clássico das multidões pras telas do cinema e não é que a coisa funcionou muito bem... porque o Odeon virou Maracanã. Bastaram alguns minutos do início da exibição da estréia do documentário Fla x Flu – 40 Minutos Antes do Nada  que começaram a surgir os gritos de “Mengo!” e “Nense!” dentro da sala.
  
  Assim foi durante toda a sessão, entre um depoimento e outro sempre surgiam gritos, aplausos e vaias, esse é o tipo de comoção que um clássico causa, seja no estádio ou nos cinemas e foi essa rivalidade gostosa e sadia que o diretor capturou para seu documentário que fez sua estreia nacional no Festival do Rio e chegará em breve as salas de todo o país.
  
  O grande trunfo do documentário é que, diferente da maioria dos filmes do gênero, a intenção não é fazer um apanhado histórico ou relembrar algum momento da história dos clubes e sim falar, debater, provocar essa rivalidade que há mais de 100 anos existe no futebol carioca. Para isso, o diretor buscou depoimentos de torcedores apaixonados, daqueles capazes de fazer loucuras pelo seu time, famosos e desconhecidos, para dar a sua contribuição com comentários, histórias e é claro muitas provocações.
  
  Entre os entrevistados estão Zico, Assis, Junior, Leandro, Pedro Bial, Tony Platão, Sacha Rodrigues e Romário – que atuou por ambos os clubes – além de outros torcedores representando cada um dos lados dessa rivalidade secular. A parcialidade é total e estimulada, então momentos descontração não faltam e sempre tem uma tirada inteligente de um torcedor ou de outro para dar aquela boa zoada no adversário.
  
  Nas imagens lembranças de jogos e momentos marcantes para os dois clubes, que com uma ótima escolha de imagens nos transporta para dentro das emoções do campo, com momentos de arrepiar qualquer torcedor. As imagens do antigo Maraca lotado, com quase 200 mil pessoas é uma imagem que encanta qualquer torcedor do mundo, o preto e vermelho tomando um lado da arquibancada com os rojões e a charanga rubro-negra tocando, enquanto do outro lado o pó de arroz e os rolos de papel que eram jogados das arquibancadas. Momentos que provavelmente ficaram só na memória dos que estiveram lá e em registros como esse filme. Já que com o novo estádio, muitas coisas estão proibidas e cabem bem menos pessoas no gigante carioca.
  
  A rivalidade do Fla x Flu acredito que ainda dure por mais cem, duzentos anos... mas ver o Maracanã (realmente) lotado para um grande clássico, tavez seja um privilégo que agora as novas gerações não vão ter. É claro que entendo a necessidade da modernização e de novas diretries para que as coisas andem, mas será que não poderia ser feito de forma mais sutil? Enfim, agora está feito e isso é apenas mais um detalhe que torna o documentário e um registro épico do que foi a época de ouro do futebol carioca.
  
  Afinal parafraseando um dos entrevistados com quem conversei depois da sessão de gala no Odeon, 200 mil pessoas no Maracanã, quem viu, viu. Quem não viu, só no Youtube!
  
  Feito com efeito: Infelizmente nossa sessão sobre efeitos visuais vai ficar mais uma vez sem muito o que falar, em documentários, já não é muito normal ter muito coisa pra falar. Nesse então, da pra dizer que os efeitos visuais não passaram nem perto. Então fica pra próxima galera.
  
: Eu não sou muito fã de futebol, mas confesso que o documentário consegue mostrar bem essa paixão que envolve esse esporte famoso no mundo todo atualmente. O Renato conseguiu capturar bem a essência da rivalidade estre torcidas da melhor forma possível e isso é representa muito coisa especialmente em um momento onde a toda hora vemos confusões acontecendo nos estádios, brigas entre torcidas organizadas e todo tipo de ignorância que definitivamente não é rivalidade, é estupidez.
  
  Todo mundo tem o direito de torcer pro seu time e se expressar desde que respeitando o espaço dos outros. Muito já foi melhorado através de punições e até prisões, mas ainda tem coisa para ser melhorada. Por isso, Fla x Flu é um filme para todas as torcidas, porque mostra como uma rivalidade pode ser tratada de forma divertida e saudável de forma a somente contribuir com o esporte e não acabar com o espetáculo.
  
  Meu destaque nesse caso, fica pra dinâmica de entrevista que foi criada pela equipe do filme, que é leve, descontraída e busca tirar de cada um dos entrevistados seu fantismo mais profundo e as provocações mais interessantes e inusitadas, contando com um toque de mestre, uma pequena e sutil surpresa armada para cada um dos convidados, que os colocam em um situação de espontâneo desconforto  resultados em cenas muito engraçadas, por serem as reações mais espontâneas que já vi em um documentário. Seja lá quem tenha tido essa ideia, está de parabéns, foi um toque espetacular.
  
Ed: Rosa são vermelhas, o céu é azul e o Festival segue complicando meu trabalho...
  
  Quando falam de futebol, tudo acaba em cerveja, samba ou os dois, melhor ainda se for com churrascão na laje! Então, uma coisa que eu senti falta foram alguns depoimentos de massa, acabou ficando limitado aos entrevistados, mas futebol é evento do povo e umas declarações aleatórias seriam interessantes.
  
  E Já que o assunto é futebol...
  
  Éééééé não, concerteza... agente vamos continuar fazendo o que o professor mandou, continuar treinando pra próxima partida e se Deus quiser vamos melhorar eeeee buscar posições, pra conquistar o campeonato. *Enrolando estilo jogador*
  
  Acho que não podia ser mais claro...

  
  
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentem aí, suas opiniões são bem vindas e fazem o CA bem mais divertido, mas mantenham o bom senso ok? Perguntas serão respondidas sempre que possível...