Quem Somos


  HiroTrotte (Autor)
  
Sou péssimo em escrever sobre mim, mas....
Sou Carioca, nasci em 1987 e desde a infância filmes e cinema estão entre as coisas que mais gosto de fazer, por isso, sempre quis trabalhar com alguma coisa relacionada à cinema. Trabalho atualmente como editor de efeitos visuais e videografismo, já trabalhei em televisão (com efeitos, não levo jeito pra ator) e também em uma produtora-escola de cinema.  A partir da vontade de estar sempre inteirado e conversando sobre cinema, surgiu a ideia do CA e hoje estou aqui, escrevendo pra vcs!!!
  

  
  Flávia Eloá (Colaboradora)
  
  
  Sou catarinense, mas moro em São Paulo desde 2009. Fanática por filmes de terror, em especial das antigas, trashes.  Tenho 29 anos, nasci em 8 de novembro de 1982, escorpiana, teimosa, chata, ciumenta. Formada Instrumentadora Cirúrgica, mas ainda não estou exercendo, aliás, se vc souber de uma vaga, POR FAVOR, me avise =) Gosto de escrever sobre os filmes que assisto. Conheci o Hiro através do twitter e ele me chamou pra ser estagiária aqui do CA! É claro que eu aceitei! Adorei a ideia!


  
  
  
  Vanessa Fermi (Assessora de Comunicação)
  
Uma mente brilhante, carioca do tamanho de um hobbit e apaixonada pelo Rio. Em um ato de coragem, vive em busca da terra do nunca, estando certa de muitos desafios, mas sabendo que o outro lado do muro é possível. Convidada em 2012 pelo autor do Cinéfila Arte para integrar a equipe, resolveu cair na estrada, sem ficar a espera de um milagre e disposta a colocar a megamente de todos para funcionar.


  


 Pavy Valadares (Colaboradora)  

Mineira, Cinéfila, apaixonada por filmes, longas e curtas. 
  Ir ao cinema passou de um simples passeio nas horas livres, à uma fixação na qual hoje adoro ser comentarista e crítica de cinema, por ser sagitariana, a crítica veio a calhar na minha vida (dizem que esse signo é sincero). 
  Assistir a um filme, independente de ser um longa ou curta, sempre me proporciona um olhar além de plateia , gosto de observar  desde de trailers, à luz, o som, cartaz, etc...
  Hoje convidada a fazer parte da equipe do Cinéfila Arte, espero agrada-los nos comentários, e proporcionar  momentos bons ao indicar e comentar filmes.



Barão (Colaborador)  

Barão,  + de 20 anos, Paulista,  formado em Comex, cinéfilo, quebra-galho de locutor e imitador de Senior Abravanel. Fã de jogos do Facebook e idealista.











Equipe de Apoio
  
  
  Jozeph Oscar
  
Mais conhecido com Zé Oscar, depois que seu primo ficou famoso e ganhou lugar aos holofotes ao se tornar o tão cobiçado premio máximo da Academia de Artes e Ciências Cinematrograficas norte-americana, o mercado ficou ruim nos States. Zé então, se mudou para o Brasil e passou a se dedicar a trabalhos com cinema. Hoje trabalha para o CA com a função de trazer e comentar sempre os maiores destaques no mundo dos filmes, ou seja falar sobre tudo que seja digno de um Oscar.








  
  Edwald Mãos de Marreta
  
Conhecido simplesmente como Ed Marreta, inicialmente tentou carreira em Hollywood como ator, mas após perder o lugar de ator principal, em um filme que virou sucesso, para seu irmão mais novo (segundo dizem por causa de seu comportamento meio mal humorado), Ed desistiu da carreira de ator, e passou a se dedicar à critica de cinema no Brasil, no caso dele, criticar realmente é a palavra....atualmente trabalha para o CA, se utilizando de seu conhecimento sobre cinema e temperamento um tanto instável para fazer o que faz melhor, marretar todos os defeitos e falhas que forem possíveis encontrar nos trabalhos cinematográficos e acreditem se houver uma brecha ele vai achar...
P.S.: Eu notei que ele usa a mascara do Jason, mas prefiro nem perguntar porque...
  
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
  Gosta de cinema, de escrever e de internet? Tem tempo disponível? Gostaria de ser um colaborador ou colunista do Cinéfila Arte? Entre em contato pelo e-mail cinefilaarte@gmail.com falando um pouco sobre você e sobre sua experiência na área. Não precisa ser profissional, nem ter experiência de trabalho prévio. Conhecer sobre cinema, ter vontade de trabalhar e gostar do que faz já é um bom começo. 
  
P.S.: Caso tenha intenção de ser colunista, não esqueça de especificar no e-mail qual seria o assunto da coluna.
Comentários
0 Comentários